Budismo Kadampa

O site oficial da Nova Tradição Kadampa -
União Budista Kadampa Internacional
Fundador: Venerável Geshe Kelsang Gyatso

Tomar preceitos

A essência da prática é tomar os oito preceitos e guardá-los puramente por um período de 24 horas.

Fazendo essa prática repetidamente, habituamo-nos com a prática de disciplina moral e, portanto, tornamos nossa vida humana significativa.

Recebemos imensos benefícios praticando disciplina moral dessa maneira. Isso ajuda-nos a solucionar nossos problemas nesta vida porque evitamos as causas do sofrimento; e isso cria causas para termos renascimentos afortunados em vidas futuras e nos protege contra os sofrimentos do renascimento inferior.

Em particular, visto que ela é feita com bodichita, esta prática é muito poderosa para purificar carma negativo. Ela acumula uma vasta coleção de mérito e cria a causa para que alcancemos a felicidade insuperável da iluminação.

Primeiro precisamos receber esses preceitos de um Preceptor qualificado e depois poderemos tomá-los por conta própria tantas vezes quanto desejarmos. Instruções sobre ambos esses métodos estão nesta sadana.

Se quisermos extrair a essência desta preciosa vida humana, devemos lutar para fazer essa prática o maior número de vezes possível.

Uma explicação da prática

Quando tomamos os oito preceitos mahayana, prometemos explicitamente nos abster durante 24 horas das oito seguintes ações:

  1. Matar
  2. Roubar
  3. Atividade sexual
  4. Mentir
  5. Tomar tóxicos
  6. Comer depois do almoço
  7. Sentar-se em tronos ou acentos elevados e luxuosos
  8. Usar ornamentos, perfume etc. e cantar, dançar etc.

Estes oito pontos são, contudo, simplesmente simbólicos, pois na realidade prometemos nos abster de todas as ações não-virtuosas por 24 horas.

Tomar e guardar esses preceitos é uma prática especial de purificação. Buda compreendeu que todo o sofrimento dos seres humanos provém do carma negativo anterior desses seres; assim, ele ensinou práticas especiais para purificar carma negativo.

Para purificar nosso carma negativo, temos de praticar os quatro poderes oponentes: o poder do arrependimento, o poder da confiança, o poder da força oponente e o poder da promessa. Estes foram plenamente explicados no livro Caminho alegre da boa fortuna. Dentre os quatro, aqui estamos enfatizando o poder da promessa – prometendo não repetir as ações não-virtuosas.

Podemos fazer essa promessa em muitos níveis. Podemos prometer não cometer ações não-virtuosas pelo resto da nossa vida, por um ano, por um mês, por uma semana ou, neste caso, por um dia.

Se conseguirmos manter as nossas ações de corpo, fala e mente puras por um dia, poderemos estender para dois dias, depois para três dias e assim por diante, até que, por fim, conseguiremos manter disciplina moral pura o tempo todo.

Se chegarmos a ponto de conseguir manter nossas ações de corpo, fala e mente inteiramente puras o tempo todo, teremos conquistado a Terra Pura. Com um corpo puro e uma mente pura não existirão bases para experienciarmos sofrimento; vamos experienciar somente felicidade incessante vinda de dentro.

Todos nós queremos ser felizes – viver num ambiente puro com amigos puros, prazeres puros etc. –, mas isso é inatingível enquanto tivermos carma negativo em nossas mentes.

Portanto, precisamos confiar no método habilidoso de Buda para purificar nosso carma negativo. Esta prática é muito simples e só dura um dia; mas ela acarreta resultados muito grandes.

Budistas

O espaço de aprendizagem

Como Meditar
Retiro de Meditação
Sugestão para um programa de retiros
Sessão de Meditação
Preparação para Meditar
Postura de Meditação
Convicções Budistas
O que é mente?
Reencarnação
Compaixão
Renúncia
Carma
Sobre Buda
Os Ensinamentos de Buda
A Iluminação de Buda
Ordenação de Buda
Renúncia de Buda
O Nascimento de Buda
Mais
Glossário de termos budistas
Arte budista
Sobre o Tantra
Livros sobre o tantra
Mestres Tântricos
Apego & Tantra
Níveis do Tantra
Tantra autêntico
Sobre o Darma
Publicações sobre o Darma
Centros de Darma
A prática do Darma
A Roda do Darma
Budadarma